Método deteta tumores ou doenças, como a diabetes.

Iridiologia-avaliação-a-iris-previne-e-deteta-doencas.jpg

Utilizada como método de diagnóstico desde o século XIX na medicina natural, a iridiologia permite, através de uma análise à íris, avaliar o estado geral de saúde. "Analisa-se o físico, psíquico e imunológico, contribuindo para a prevenção de doenças que o indivíduo é predisposto a contrair", explica ao CM a osteopata Ana Passadeiras. Trata-se, contudo, de uma avaliação qualitativa. Ou seja, através dos sinais/marcas que surgem na íris, pode detetar-se, por exemplo, cancro da mama, colesterol ou diabetes, mas não se sabe quais os valores. O diagnóstico iridiológico é feito com base na observação das estruturas das fibras e da pigmentação da íris, seguindo um mapa no qual todas as partes do organismo estão representadas na íris. Cada íris representa os órgãos localizados de cada um dos lados do corpo. Por exemplo: o fígado está representado na íris direita, o baço na íris esquerda. Já a tiroide está em ambas. "Tudo o que se passa no nosso organismo deixa marca na íris", sublinha Ana Passadeiras, que explica ainda que as marcas podem ser uma mancha, uma ‘lacuna’ [marcas em forma de folha], que significa uma fragilidade benigna, ou ‘criptas’, que indicam problemas graves, como tumores. 28 mil terminais que se relacionam com todo o corpo. O estudo da íris pode revelar muito sobre a saúde do indivíduo, bem como a sua carga genética, diz a especialista Ana Passadeiras. "A íris é constituída por 28 mil terminais nervosos (nervos sérvios), que se relacionam com os restantes órgãos e sistemas do corpo, através do tálamo. E é aí que ele conecta com todas as áreas do corpo, que recebe e transmite informação da íris", explica. Ancestralidade indica o que fazer para ter saúde. A cor dos olhos indica, de acordo com a osteopata Ana Passadeiras, a ancestralidade do indivíduo, o que determina o que este tem de fazer para viver com saúde. No que respeita à alimentação, as pessoas de olhos claros, por exemplo, têm ancestralidade nos países nórdicos, logo, recomenda-se que "comam peixes gordos e evitem enchidos". Já as de olhos escuros devem apostar na "caça, nas raízes, nos vegetais, sal (q.b.), picante e devem beber muita água". "É o omnívoro mais perfeito que há", considera. Mas para manter um corpo são é necessário mais do que uma alimentação adequada: é preciso algum exercício. Para os mais velhos, andar e caminhar são atividades recomendáveis. E para o cérebro nada melhor do que colocá-lo à prova: Ana Passadeiras sugere que os idosos procurem os amigos para jogar às cartas, para irem ao futebol, para socializarem. "Saiam de casa. O nosso cérebro, desde que não seja afetado por nenhuma doença, é o único órgão que podemos controlar até morrer e nunca deixar envelhecer. Quanto mais se usa, mais se tem. Se não se usa, ele murcha".

Fonte:
http://www.cmjornal.pt/sociedade/detalhe/iridiologia-avaliacao-a-iris-previne-e-deteta-doencas

Estudo diz que as expressões dos olhos são muito mais indicadores das nossas emoções do que simples reações aos fatores ambientais.

os-olhos-sao-mesmo-o-espelho-da-alma-dizem-cientistas.jpg

 Quer os olhos estejam cerrados ou bem abertos, é mais provável que indiquem as emoções da pessoa do que estejam simplesmente a reagir à luz solar ou outros fatores, segundo sugere um novo estudo.

Afinal, o clichê de que ‘os olhos são o espelho da alma’ não está assim tão distante da realidade. De acordo com o estudo realizado por especialistas em desenvolvimento humano, o que se vê nas pupilas, desde a forma do olho e até o movimento das sobrancelhas, é comunicação de emoções.

E, como reporta o Express britânico, a nossa capacidade de ler esses sinais é um processo que é dominado pelas pessoas por todo o mundo há centenas de anos.

O estudo realizado por investigadores da Cornell University, em Nova Iorque, e publicado na revista Psychological Science, diz que ter os olhos cerrados, como se estivesse a olhar para o sol, regista emoções como aversão e desconfiança enquanto os olhos bem abertos expressão medo e surpresa/admiração.

O professor Adam Anderson sublinha: “Ao olhar para o rosto, os olhos dominam a comunicação emocional.”

Fonte:
https://www.noticiasaominuto.com/lifestyle/778245/os-olhos-sao-mesmo-o-espelho-da-alma-dizem-cientistas

#cientistas #olhos #investigacao #expressaodosOlhos #emocoes #alma #lojaOnline #70eyes 

A visão é um dos mais importantes sentidos para conduzir. Mais de 80% da informação necessária para tomar decisões na condução passa pelos olhos.

problemas-visao-causam-acidentes-nas-estradas.jpg

De acordo com o Vision Impact Institute, 60% dos acidentes de viação no mundo estão relacionados com problemas de visão. A mesma fonte indica que 23% dos condutores tem problemas de visão que não estão corrigidos pelo uso de lentes e óculos.

Segurança e visão são palavras que se complementam quando falamos de automóvel. Se conforto, economia, desempenho e segurança são características de um bom automóvel, a saúde e acuidade visual são requisitos indispensáveis a um bom condutor.

Em Portugal há um acidente automóvel a cada quatro minutos, de acordo com os dados de 2016 da Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária. Ou seja, no último ano ocorreram 127 mil acidentes nas estradas do país, com 447 mortes e milhares de feridos.

Em todo o mundo há 2,5 mil milhões de pessoas que têm má visão e que não sabem, ou procuram voluntariamente corrigir o problema. A situação é a mesma em Portugal. Para termos estradas e condutores mais seguros é determinante que todos tenham consciência das suas próprias limitações para que as possam corrigir.

Ver bem é o melhor remédio. Para saber se a sua visão oferece segura para conduzir pode tentar fazer um pequeno auto-diagnóstico, que não dispensa a consulta regular ao oftalmologista.

Por exemplo, se tiver dificuldades em ler os sinais de trânsito, as placas de indicação de direção, isso significa que a sua visão ao longe pode ter diminuído. Se por exemplo tiver dificuldades em ver à noite enquanto conduz e os seus olhos forem obrigados a um esforço suplementar, o mais provável é ter problemas de astigmatismo.

As anomalias visuais são um dos problemas de saúde mais comuns e subestimados em todo o mundo. A detecção precoce destas anomalias é essencial. Tal deve ser feito em consulta com especialista, e com a realização regular de rastreios para avaliação, identificação e correcção de eventuais anomalias visuais.

Fonte:
http://www.motor24.pt/area-de-servico/problemas-visao-causam-acidentes-nas-estradas/

#visao #conducao #oculos #lentesdeContacto #lojaOnline #70eyes

O apelo à prática do desporto está perfeitamente enraizado na nossa realidade. Faz bem não só à Saúde Física como Mental.

artigo-de-opiniao-e-importante-ver-bem-na-pratica-do-desporto.jpg

A decisão de usar ou não os óculos nas aulas de educação física era sempre penosa. Se os usava, conforme o desporto, a probabilidade de partir os óculos era elevada e para diminuir essa probabilidade, muitas vezes, era o desempenho e a performance que ficavam a perder, ora por adotar uma atitude mais defensiva na atividade desportiva ou porque não usava os óculos, e aí surgiam dificuldades em seguir os exercícios que exigiam alguma precisão à distância (experimente encestar com o “cesto” desfocado, não é fácil), ou mesmo dores de cabeça na final da aula que acabavam por influenciar o resto do dia na escola.

Estas limitações são tão mais penosas quanto mais profissional é a prática do desporto.

Hoje, felizmente, por norma os mais pequenos têm sempre mais uma atividade depois das aulas.

Se queremos que os nossos jovens façam desporto em nome de um crescimento saudável, é justo que lhe proporcionemos as condições necessárias para que o pratiquem na sua plenitude.

Se pensamos na roupa, nos ténis, na touca, o que for preciso para o desporto em questão, não nos podemos esquecer da visão, principalmente naqueles que todos os dias necessitam dos seus óculos para o seu dia-a-dia.

Não serão todas as graduações que necessitarão de uma solução para desporto. Normalmente a exigência do pormenor não é tão grande como numa sala de aula. Mas existem situações em que será realmente desconfortável para o jovem se não tiver uma solução ocular que lhe permita ver bem na prática do desporto.

Para os mais jovens as alternativas mais comuns são ou uns óculos de proteção para desportos com bola, de algum contacto, ou uns óculos de natação graduados.

No caso dos primeiros, é fundamental a resistência dos materiais, quer das Lentes quer das Armações, assim como a ergonomia, para que a sua utilização seja o mais confortável possível. Não serão óculos para usar na rua, todos os dias. O que se privilegia é o conforto e a segurança com uma boa visão. Mas pela evolução dos materiais, vão-se tornando cada vez mais leves e esteticamente bonitos.

No caso da natação, um profissional especializado poderá propor-lhe uns óculos de natação com a graduação adequada. Serão uns óculos de natação de aspeto perfeitamente normal, mas as lentes estão graduadas, proporcionando ao jovem uma boa visão quer dentro de água quer fora, quando olha para o instrutor ou para o relógio para saber se fez ou não um bom tempo.

Mas a utilização de uns óculos específicos para a prática de desporto não está limitada só aos mais jovens.

Se nos adultos é mais frequente a opção por Lentes de Contacto, particularmente, Diárias existem aqueles que, por uma razão ou por outra, procuram uns óculos graduados mas que lhes permitam fazer desporto. Um dos desportos mais caraterísticos, principalmente na zona Oeste, é o ciclismo e, mais recentemente, o BTT.

Estamos todos familiarizados a ver provas de ciclismo em que os seus praticantes aparecem com óculos muito coloridos, lentes de todas as cores (por fora, por dentro não é assim). A coloração dessas lentes está associada à adaptação nas mudanças de luminosidade. E o uso dos óculos também está muito relacionado com a questão da segurança. As Lentes são uma barreira eficaz contra alguma pedra, por exemplo, e daí também a importância da matéria, normalmente um policarbonato, por ser muito resistente e extremamente difícil de partir.

Mas, como não podia deixar de ser, para além da adaptação à luminosidade e segurança, muitas são já as alternativas onde é possível colocar a graduação.

Os praticantes, principalmente os de fim-de-semana, também querem uns óculos cheios de estilo mas que incluam a sua graduação. O mercado tem sabido responder às necessidades e hoje existem todo o tipo de soluções e para todas as carteiras. O importante é escolher uma solução de qualidade e adaptada as suas necessidades físicas e desportivas.

Por isso pratique desporto e veja bem, não existe razão nenhuma para não o fazer. 

Fonte:
https://torresvedrasweb.pt/artigo-de-opiniao-e-importante-ver-bem-na-pratica-do-desporto/

#oculos #educacaoFisica #desporto #visao #lentesdeContacto #lojaOnline #70eyes

Estudo relaciona o hábito de fumar durante a gravidez com uma maior probabilidade da criança ter problemas oculares.

transferir.jpg

As mulheres que mantêm o hábito de fumar durante a gravidez aumentam a probabilidade de os filhos desenvolverem um determinado tipo de danos na retina. Este problema ocular foi também verificado quando os bebés nasciam com menos peso do que o devido.

Publicado na revista JAMA Ophthalmology, o estudo levado a cabo por várias universidades e institutos da Dinamarca analisou 1,406 crianças dinamarquesas que ou tinham nascido com peso a menos ou que tinham sido expostas ao fumo ingerido pela mãe durante a gravidez quando ainda estavam no seu útero.

Diz o estudo que 80% das mães não fumavam durante a gravidez, 2% tinham deixado o hábito durante a gravidez e 18% continuaram a fumar mesmo no período de gestação.

O fumo do tabaco fez com que a camada de fibra nervosa da retina fosse 5,7 micrometros mais fina do que a das crianças cujas mães não fumavam. Quando ao peso à nascença, as que tinham um menor peso apresentavam uma camada de fibra nervosa da retina fosse 3,5 micrometros mais fina.

Como conta a Reuters, ambos os factores mostraram-se determinantes – mesmo que de forma independente - para o desenvolvimento de problemas na camada de fibra nervosa da retina, sendo que esta apresentava ser mais fina entre os 11 e os 12 anos.

Fonte:
http://tpa.sapo.ao/noticias/ciencia/fumar-durante-a-gravidez-pode-causar-danos-na-visao-dos-filhos

#gravidez #visao #fumar #retina #saudeOcular #70eyes

Uma equipa da Universidade de Coimbra desenvolveu uma tecnologia, baseada no processamento de imagens oftalmológicas, que permite identificar, de forma automática, lesões na retina em pacientes diabéticos.

Universidade_de_Coimbra_cria_tecnologia_de_rastreio_ocular.jpg

Uma equipa da Universidade de Coimbra desenvolveu uma tecnologia, baseada no processamento de imagens oftalmológicas, que permite identificar, de forma automática, lesões na retina em pacientes diabéticos.

Este é o resultado de quatro anos de parceria com a empresa Retmarker, spin-off do Grupo Critical, que, em 2013, desafiou a Universidade de Coimbra a encontrar uma forma mais eficiente de detecção de lesões na retina. Actualmente, só existem imagens de baixa qualidade obtidas dos Rastreios de Retinopatia Diabética.

Segundo Isabel Narra Figueiredo, a coordenadora da equipa de investigação da Universidade de Coimbra, "este método identifica automaticamente com elevado grau de fiabilidade a existência de micro-aneurismas, hemorragias e lesões brancas, em imagens da retina, que são os primeiros sintomas da Retinopatia Diabética".

A Retinopatia Diabética é uma complicação da diabetes e a principal causa de cegueira evitável no Mundo Ocidental. É uma doença silenciosa (sem manifestações de sinais ou sintomas) e de evolução lenta até atingir uma fase avançada. A grande maioria dos casos de cegueira pode ser evitada com um bom controlo metabólico e um tratamento atempado (que pressupõe a identificação precoce das lesões na retina).

Segundo o responsável da Retmarker, "menos de 10% dos diabéticos necessitam de ser referenciados para consulta de especialidade. Existe por isso um elevado investimento de tempo e recursos na identificação dos casos relevantes e este é um problema onde a tecnologia pode ajudar e que justifica a aposta da Retmarker".

Fonte:
http://www.sabado.pt/ciencia---saude/detalhe/universidade-de-coimbra-cria-tecnologia-de-rastreio-ocular

#UniversidadedeCoimbra #olhos #retina #tecnologia #RetinopatiaDiabetica #investigacao #saudeOcular #70eyes

Lentes de Contacto ao melhor preço

A 70eyes é uma loja de vendas exclusivamente online de Lentes de Contacto, Óculos de Sol, Óculos de Leitura, Lágrimas Artificiais, Líquidos e Manutenção para lentes de contacto. No nosso site, pode encontrar lentes de vários fabricantes: diárias, quinzenais e mensais, lentes para crianças e adolescentes, lentes monofocais, tóricas e coloridas (com e sem graduação) e packs de vários produtos. Pode também encontrar vários modelos de óculos de leitura, tal como óculos de sol.

Somos bastante competitivos nos nossos preços, sendo que somos o site com o melhor preço em vários produtos. Oferecemos ao Cliente uma compra online segura, sendo o nosso principal objectivo a satisfação dos nossos Clientes. Trabalhamos com profissionais especializados nos produtos que fornecemos e que encontram-se disponíveis para lhe oferecer o melhor aconselhamento. A 70eyes recomenda que, antes de efectuar a sua encomenda, consulte um especialista. Informamos o Cliente sobre a estimativa de entrega da encomenda. É emitida uma factura e um recibo que segue junto com a sua encomenda.

70EYES
Rua António José de Almeida, nº 43
9500 - 053 Ponta Delgada
Portugal

E-mail: compras@70eyes.com
Telf.: +351 291 204 459